Maior "grileiro" do noroeste vai sentar no banco dos réus

Por Dorjival Silva

O líder do movimento de grilagem de terras no município de Cotriguaçu, Geilson Ubiali, foi denunciado pelo Ministério Público Estadual por invadir e incentivar invasões de propriedades particulares no município. Ele responderá também, por associação criminosa armada, desobediência à decisão judicial e crimes ambientais. 

Esse jailson, acompanhado de vários capangas armados, é responsável por liderar invasores pela terça vez a retornarem a Fazenda Amanda em Cotriguaçu. 

Com uma área de três mil hectares, essa fazenda que é destinada ao manejo florestal sustentável, teve mais de 1000 hectares destruídas pelos invasores.

O Ministério Público espera que a Justiça acate a denúncia e leve Geilson Ubiali ao banco dos réus. 

Postagens mais visitadas deste blog

CHACINA: Policial militar é acusado de executar quatro pessoas em cabaré da cidade de Brasnorte

Tangará da Serra recebe Circuito Aprosoja dia 25 de maio

Saúde tem hoje Dia D de vacinação contra H1N1 em Tangará da Serra