14 de março de 2008

Efeitos colaterais do péssimo ensino superior brasileiro

"A despreocupação governamental com o importante aspecto da qualidade de ensino permite o surgimento de efeitos colaterais danosos, como a venda de ‘diplomas’ pela Internet, felizmente surpreendidos e coibidos pela Polícia Federal”.

A afirmação foi feita pelo presidente em exercício do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Vladimir Rossi Lourenço, ao se referir à operação deflagrada hoje (14) pela Polícia Federal com vistas a desmantelar um esquema de venda de diplomas universitários falsos pela Internet.

As investigações que levaram à chamada “Operação Cola” apontam que, entre os diplomas vendidos, estão de direito, medicina, fisioterapia, enfermagem e engenharia.

Cada documento custava, em média, R$ 1.800,00.

Na avaliação de Vladimir Lourenço, a qualidade do ensino deve ser prioridade do governo, isso porque o ensino superior no Brasil está perdendo a qualidade em face de inúmeros fatores, sendo o mais importante deles a mercantilização, que tomou conta desse segmento.

É preciso ter presente que quantidade não é e nunca significou sinônimo de qualidade. O ensino não pode ser simples objeto negocial. A qualidade do ensino é fundamental para a definição do perfil do país que somos e do país que queremos”.

Disse isso, lembrando as recorrentes críticas feitas pela OAB à falta de fiscalização de instituições de ensino de baixa qualidade pelo governo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com