5 de novembro de 2019

Bombas de combustíveis terão certificação digital a partir de dezembro




A partir de dezembro, o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), vinculado ao Ministério da Economia, só vai aprovar modelos de bombas medidoras de combustíveis líquidos (gasolina, diesel e etanol) que tenham certificação digital.

O objetivo é coibir a ocorrência de fraudes no abastecimento ao consumidor final. A informação foi dada hoje (4) à Agência Brasil pelo chefe do Setor de Medição de Fluidos do instituto, Edisio Alves Júnior.

Governo anuncia nesta terça medidas para mudar pacto federativo e regras fiscais


O governo federal apresentará nesta terça-feira (5) um pacote de propostas na área econômica para reformar o Estado brasileiro. Serão contempladas, entre elas, mudanças no chamado “pacto federativo”, em fundos públicos e nas regras das contas públicas, algumas delas emergenciais.

Gaeco e Delegacia de Combate à Corrupção prende 11 vereadores de Santa Rita ao desembarcarem de falso congresso em Gramado




O Gaeco e as Delegacias de Repressão ao Crime Organizado e Combate a Corrupção,  prenderam 11 vereadores da cidade de Santa Rita (PB) que retornavam de Gramado após participarem de um falso congresso. O caso foi registrado ainda na madrugada desta terça-feira (05) após deixarem o Aeroporto Castro Pinto.

Veja a lista dos vereadores presos:

1 – Anesio Alves de Miranda Filho  – Presidente da Câmara
2 – Brunno Inocencio da Nóbrega Silva
3 – Carlos Antônio da Silva
4 – Francisco de Medeiros Silva
5 – Diocélio Ribeiro de Sousa
6 – Francisco Morais de Queiroga
7 – João Evangelista da Silva
8 – Ivonete Virgínio de Barros
9 – Marcos Farias de França
10 – Sérgio Roberto do Nascimento
11 – Roseli Diniz da Silva

Além dos vereadores, o contador Fábio Cosme também foi preso. A operação Natal Luz teve apoio da Polícia Civil de Sergipe e do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul.



Projeto de Moro reduz assassinatos em 47%


O número de assassinatos caiu 47% nas cidades que integram o projeto-piloto de Sergio Moro: Em Frente, Brasil.

Em quatro delas, a queda dos homicídios foi impressionante: 73% em Ananindeua, 59% em Goiânia, 25% em Paulista, 11% em Cariacica.

Governo quer criar diferentes categorias para MEI


O governo deverá incluir a reformulação do programa do Microempreendedor Individual (MEI) — regime de tributação voltado para formalizar pequenos negócios — no pacote de estímulo ao emprego, chamado de “Trabalho Verde e Amarelo”, previsto para ser anunciado pelo presidente Jair Bolsonaro na próxima quinta-feira.

O objetivo é criar várias categorias de MEI para atender a perfis diferenciados de pessoas, como o ambulante, o motorista de aplicativo e o microempreendedor mais organizado, segundo fontes a par das discussões. Serão definidas diferentes faixas de alíquota de impostos, começando pelo percentual atual, de 5%, até chegar a 11%, de acordo com o faturamento.

O limite anual de faturamento bruto de R$ 81 mil para inclusão no programa também será ampliado. O objetivo é reduzir o impacto financeiro do negócio, caso o microempreendedor aumente as receitas e tenha que migrar para o regime de microempresa (Simples).

Bolsonaro entrega ao Senado novo pacote de reformas econômicas




O presidente Jair Bolsonaro entregou ao Senado na manhã desta terça-feira (5) um novo pacote de reformas econômicas que inclui um novo pacto federativo com estados e municípios e regras para contenção de gastos. No total, são seis projetos que englobam ainda as reformas tributária e administrativa e que começam a tramitar no Congresso nesta semana.

As medidas são consideradas um novo passo no ajuste das contas públicas iniciado com a Reforma da Previdência. A expectativa, segundo especialistas, é que as propostas possam avançar no enxugamento da máquina pública e ajudar a reativar a economia. As propostas também despertam atenção sobre possíveis alterações na carga de impostos com a reforma tributária.

Até a publicação desta reportagem, as propostas ainda não haviam sido divulgadas na íntegra. O ministro Paulo Guedes concede entrevista coletiva na tarde desta terça para detalhar as regras e números previstos nos textos.

4 de novembro de 2019

MP Militar abrirá concurso para promotores; salários R$ 33 mil


O Ministério Público Militar divulga em breve a abertura de concurso para a contratação de promotores da Justiça Militar, cargo com salário inicial de R$ 33.689,11. O último edital lançado para a carreira foi em 2013.

O número de vagas ofertadas ainda não foi definido e os candidatos precisam, obrigatoriamente, ser bacharel em Direito com no mínimo três anos de experiência na atividade jurídica.

O concurso vai abranger as seguintes disciplinas: Direito Penal, Direito Militar, Direito Processual Penal Militar, Organização Judiciária Militar e Ministério Público da União, Direito Constitucional, Direitos Humanos, Direito Internacional Penal e Direito Internacional dos Conflitos Armados, Direito Administrativo, Direito Administrativo Militar, Direito Civil e Direito Processual Civil.

A seleção vai se desenvolver em cinco etapas, com prova escrita objetiva, provas escritas subjetivas, provas orais, prova prática e, por fim, avaliação de títulos.

As provas escritas serão realizadas nas cidades onde ficam as Procuradorias da Justiça Militar, cabendo ao candidato a escolha da melhor localização. Já as provas orais e a prova prática serão em Brasília.

Governo federal libera R$ 250 milhões para bolsas do CNPq


O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta segunda-feira (4), em publicação em sua conta pessoal no Twitter, a liberação de recursos para garantir o pagamento, até o fim do ano, de 100% das bolsas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Comissão aprova criação de cadastro nacional de pessoas acusadas e condenadas por pedofilia


A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara dos Deputados aprovou proposta que cria o cadastro de pedófilos, oficialmente chamado de Cadastro Federal de Informações para a Proteção da Infância e da Juventude.

Serão incluídas no cadastro as pessoas que tenham cometido crimes de pedofilia – como assediar criança para praticar com ela ato libidinoso; e possuir, produzir, vender, trocar ou adquirir fotografa ou vídeos com cena de sexo ou pornográfica envolvendo criança e adolescente.

3 de novembro de 2019

Empresas cancelam anúncios em emissoras da Globo em defesa de Bolsonaro


Empresas lideradas por admiradores do presidente Jair Bolsonaro (PSL) começaram um movimento para cancelar anúncios na Rede Globo e em grupos associados à emissora. Os cancelamentos vieram depois da reportagem do Jornal Nacional que revelou o depoimento do porteiro do condomínio de Bolsonaro, que associava indiretamente o presidente ao assassinato da vereadora Marielle Franco.

Depois da reportagem, exibida na terça-feira, Bolsonaro, em uma live direto da Arábia Saudita, acusou a Globo de persegui-lo, disse que a emissora faz um jornalismo canalha e, exaltado, chegou a cogitar a não renovação da concessão da emissora.

Nesta sexta (1), começou a circular na Internet um comunicado da Habitec, uma imobiliária de Curitiba, anunciando que deixaria de renovar seu contrato com a RPC, dona de oito afiliadas da Globo no Paraná.

2 de novembro de 2019

Ex-prefeito Antonio Porfírio de Brito dá nome a Centro Poli esportivo em Tangará da Serra


O ex-prefeito Antônio Porfírio de Brito está ainda mais eterno na mente e no coração do povo tangaraense desde esta sexta-feira, dia 1 de novembro. Seu nome estampa agora na fachada de um dos principais centros poliesportivo de Tangará da Serra.

A homenagem aconteceu, graças à Lei Ordinária número 5.223, assinada pelo prefeito Fábio Martins Junqueira (MDB) em solenidade ocorrida na sede do Poder Executivo.

A partir de agora, o Centro Poli esportivo da cidade passa a ser chamado de “Porfirão”, em referência ao grande prefeito que teve os tangaraenses no período de 1983 a 1988.

O prefeito Fábio Junqueira está de parabéns por esse reconhecimento dado ao ex-prefeito Porfírio. A sociedade agradece.

31 de outubro de 2019

MPE denuncia Silval e mais 5 por propina milionária em incentivos


O Ministério Público Estadual (MPE) denunciou o ex-governador Silval Barbosa, seu irmão Antonio Barbosa e os ex-secretários de Estado Pedro Nadaf e Marcel de Cursi pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

O esquema envolve o recebimento de R$ 1,9 milhão em propina, entre julho e dezembro de 2014, em troca de incentivos fiscais. A transação foi dissimulada através de um contrato de venda de gado.

Também foram denunciados o procurador aposentado do Estado Francisco Gomes de Andrade Lima Filho, o “Chico Lima”, e o empresário Milton Luís Bellincanta, proprietário das empresas Vale Grande Indústria e Comércio de Alimentos (Frialto) e Nortão Industrial de Alimentos.

Justiça nega pedido de Lula para anular provas ligadas à Odebrecht


O juiz Luiz Antonio Bonat, titular da 13ª Vara Federal de Curitiba, recusou hoje um pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para anular provas da Operação Lava Jato obtidas por meio dos sistemas de propina da Odebrecht.

Até o Suspeito de matar Marielle desmente porteiro de Bolsonaro


O ex-PM Élcio de Queiroz, um dos suspeitos de matar a vereadora Marielle Franco, já havia negado a investigadores que tivesse citado a casa 58 para o porteiro quando visitou o condomínio em que vive Jair Bolsonaro, no Rio —o imóvel é do próprio presidente.

“Isso já havia sido esclarecido nos autos há bastante tempo. Ele foi à casa do Ronnie Lessa [outro suspeito do crime e vizinho de Bolsonaro]. Nunca disse na entrada que iria na casa do presidente”, diz o advogado Henrique Telles, que defende o ex-PM.

“O porteiro anotou o número errado da casa. O problema é dele”, segue Telles, afirmando que os investigadores mostraram a Élcio de Queiroz os registros da guarita do condomínio com o número 58 ao lado de seu nome. “Ele disse que estava errado.”

Na terça (29), o Jornal Nacional revelou que o porteiro não apenas anotou o número da casa de Bolsonaro nas planilhas —mas também afirmou ter interfonado para a residência e falado com o “Seu Jair”. Detalhe: o presidente estava em Brasília.

O próprio Ministério Público do Rio afirma que o porteiro mentiu.

MÔNICA BÉRGAMO

Loterias da Caixa poderão ter preços reajustados a partir de janeiro


O Ministério da Economia autorizou a Caixa Econômica Federal a reajustar, a partir de 1º de Janeiro de 2020, os preços de suas loterias, conforme portaria nº 8.061 da Secretaria de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria, da Secretaria Especial de Fazenda, do Ministério da Economia, publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (31). A Mega-Sena, cuja a aposta simples, com seis dezenas marcadas, o apostador paga atualmente R$ 3,50, passará para R$ 4,50.

Reforma administrativa prevê corte de quase 90% dos comissionados


A reforma administrativa elaborada pelo governo federal prevê o corte de quase 90% dos cargos de livre nomeação. Os comissionados passariam de 22 mil para apenas três mil (19 mil a menos). A previsão é que o Ministério da Economia envie a proposta ao Congresso ainda nesta quinta-feira (31).

A proposta de reforma administrativa desenhada pela equipe econômica do presidente Jair Bolsonaro (PSL) pretende ainda mudar regras de contratação, salário, jornada e estabilidade do servidor público. As mudanças valerão para aqueles que se tornarem servidores após a aprovação do projeto pelo Congresso.

Bloqueio do Fundo Partidário do PSL


24 integrantes do PSL, entre eles o presidente Jair Bolsonaro, entraram com uma representação contra o partido e seu presidente, Luciano Bivar, para garantir o bloqueio dos recursos do fundo partidário e o afastamento dos dirigentes do partido. Segundo o documento, o PSL receberá cerca de R$ 110 milhões do fundo referente ao ano de 2019.

29 de outubro de 2019

Cientistas brasileiros criam vacina contra dependência de cocaína e crack




Um grupo de pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) desenvolveu uma potente vacina contra a dependência química em cocaína que também pode ser estendida a indivíduos viciados em crack. A droga sintetizada chega para enfrentar o enorme número de pessoas que consomem cocaína em nosso país, sobretudo nas capitais, como Belo Horizonte.

Pesquisas indicam a existência de 2 milhões de usuários (em torno de 1,75% da população adulta brasileira) – 29 mil só na capital mineira. Para comparação, de acordo com o Escritório de Drogas e Crimes da Organização das Nações Unidas (ONU), a média mundial de adultos viciados é de 0,4% – cerca de 19 milhões de indivíduos.

A vacina estimula a produção de anticorpos contra a cocaína através de uma molécula que age no sistema imunológico. Os anticorpos capturam a substância química antes dela chegar ao cérebro. No caminho, modificam sua forma e reduzem os efeitos, como a sensação de euforia que vem com a liberação da dopamina, responsável pelo prazer. Sem isso, a vontade de consumir a droga diminui consideravelmente.

O vídeo de Bolsonaro. Tudo verdade


Veja o vídeo postado pelo presidente Jair Bolsonaro nas suas Redes Sociais e depois retirado. Onde é que ele errou? Não tem nenhuma MENTIRA. É tudo VERDADE. Era pra ter deixado. Bolsonaro só ERROU em retirar. Mais nada.



Bolsonaro não mostrou mais do que a verdade, Ministro! O povo não tolera vocês






Do Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Celso de Mello respondeu a um post do presidente Jair Bolsonaro:

“A ser verdadeira a postagem feita pelo Senhor Presidente da República em sua conta pessoal no ‘Twitter’, torna-se evidente que o atrevimento presidencial parece não encontrar limites na compostura que um Chefe de Estado deve demonstrar no exercício de suas altas funções, pois o vídeo que equipara,ofensivamente, o Supremo Tribunal Federal a uma ‘hiena’ culmina, de modo absurdo e grosseiro, por falsamente identificar a Suprema Corte como um de seus opositores.

Esse comportamento revelado no vídeo em questão, além de caracterizar absoluta falta de ‘gravitas’ e de apropriada estatura presidencial, também constitui a expressão odiosa (e profundamente lamentável) de quem desconhece o dogma da separação de poderes e, o que é mais grave, de quem teme um Poder Judiciário independente e consciente de que ninguém, nem mesmo o Presidente da República, está acima da autoridade da Constituição e das leis da República.

É imperioso que o Senhor Presidente da República – que não é um ‘monarca presidencial’, como se o nosso País absurdamente fosse uma selva na qual o Leão imperasse com poderes absolutos e ilimitados – saiba que, em uma sociedade civilizada e de perfil democrático, jamais haverá cidadãos livres sem um Poder Judiciário independente, como o é a Magistratura do Brasil.”

Transação penal impede Habeas Corpus para trancar ação


A concessão do benefício da transação penal impede a impetração de Habeas Corpus em que se busca o trancamento da ação penal. A decisão, por maioria, é da 6ª Turma do Superior Tribunal de Justiça. Por 3 votos a 2, prevaleceu o entendimento do relator, ministro Antonio Saldanha Palheiro.

Segundo o ministro, a transação é um instituto pré-processual na qual o autor da infração faz um acordo com o Ministério Público, aceitando uma pena restritiva de direitos ou multa, interrompendo o oferecimento da denúncia. Assim, afirmou o relator, por uma questão lógica, não há ação penal instaurada que se possa trancar.

Reforma dos militares: comissão rejeita destaque que teria impacto de R$ 130 bi


A comissão especial da Câmara que trata da reforma da Previdência dos militares rejeitou hoje um destaque apresentado ao texto original que estenderia o pagamento de uma gratificação a todos os militares que tivessem curso de formação e aprimoramento, e não apenas aos oficiais no topo da hierarquia.

O impacto fiscal dessa proposta — apresentada pelo PSOL — seria de cerca de R$ 130 bilhões em dez anos. Após a rejeição do destaque, a sessão teve de ser interrompida porque um grupo que acompanhava os debates começou a protestar. Os policiais legislativos foram acionados e retiraram os manifestantes do local.

25 de outubro de 2019

4 a 3: STF deixa análise da prisão em 2ª instância para novembro


O julgamento sobre a possibilidade de prisão após condenação em 2ª instância, no Supremo Tribunal Federal (STF), continua nesta quinta-feira (24/10/2019), após quatro votos. A primeira a votar na retomada da questão foi Rosa Weber, em um voto muito esperado, por não haver manifestações prévias da ministra sobre qual interpretação favoreceria. E ela se alinhou ao relator, ministro Marco Aurélio, interpretando que a norma explícita na Constituição não permite a prisão enquanto houver recursos disponíveis aos réus, equilibrando o placar e deixando-o em 3 votos a 2 pela manutenção da atual possibilidade, de aprisionamento antecipado.

Luiz Fux, a seguir, sem surpresa, deu o quarto voto para manter a tese atual, deixando a contagem dos votos em 4 a 2 pela autorização de execução antecipada da pena. O ministro Ricardo Lewandowski foi o último a votar na sessão desta quinta e, também confirmando a expectativa, alinhou-se ao relator e a Rosa Weber pela reviravolta no entendimento vigente desde 2016, defendendo que se impeça o início do cumprimento de penas por réus que ainda contem com alternativas de recursos contra a sentença. Com isso, o julgamento ficou em 4 a 3.

Lewandowski avaliou que a presunção de inocência significa a mais importante “salvaguarda” do cidadão.

IFI: economia com Previdência é de R$ 630 bi

A Instituição Fiscal Independente (IFI), órgão ligado ao Senado Federal, estima que a reforma da Previdência aprovada pelo Congresso nesta semana vai gerar economia de 630 bilhões de reais às contas públicas em dez anos, número bem abaixo do 1,2 trilhão de reais desejado pela equipe econômica do ministro Paulo Guedes em fevereiro e mais modesto do que os 800 bilhões de reais projetados pelo governo agora.

Em relatório, a instituição avaliou que o impacto ainda assim é significativo e ponderou que as discrepâncias entre as projeções não representam erro de nenhum dos lados, mas refletem diferenças de modelagem e premissas e também a própria incerteza envolvida em uma estimativa do tipo.

“A reforma tem capacidade, nesse sentido, de conter o crescimento do gasto previdenciário e ajudar a estabilizar a situação fiscal do país”, afirmou a IFI, ao estimar que as despesas com o regime geral da Previdência vão se estabilizar em 9,4% do PIB em 2029. O órgão já estimava que o texto original encaminhado pelo governo para a reforma teria um impacto inferior (995 bilhões de reais) do que o projetado oficialmente (1,2 trilhão de reais).

Primeira fase da campanha contra sarampo termina nesta sexta-feira


Termina nesta sexta-feira (25) a primeira fase da Campanha Nacional de Vacinação Contra o Sarampo. Lançada no início de outubro, a campanha é promovida em parceria com secretarias de Saúde municipais e estaduais, e tem como objetivo recuperar o certificado de “país livre do sarampo”, ostentado pelo Brasil em 2016.

A campanha foi dividida em duas etapas para priorizar a vacinação de dois grupos específicos. Na primeira fase, crianças de 6 meses a 5 anos de idade.

De acordo com o boletim do sarampo divulgado pela Ministério da Saúde, esse é o grupo mais vulnerável. Bebês de até 1 ano de idade apresentam índice de incidência de sarampo 12 vezes maior que as demais faixas etárias.

Bolsonaro diz que “a tropa tem que estar preparada” para reagir a “atos terroristas”


Jair Bolsonaro repetiu que o Exército tem de se preparar para enfrentar atos semelhantes aos do Chile:

“Praticamente todos os países da América do Sul tiveram problemas. O do Chile foi gravíssimo. Aquilo não é manifestação, nem reivindicação. Aquilo são atos terroristas. Tenho conversado com a Defesa nesse sentido. A tropa tem que estar preparada porque ao ser acionada por um dos três Poderes, de acordo com o artigo 142, estarmos em condição de fazer manutenção da lei e da ordem.”

10 de outubro de 2019

Possibilidades permitidas na troca de partido


O pesidente Jair Bolsonaro admitiu na quarta-feira a deputados que está decidido a deixar o partido. A batida de martelo, porém, depende de uma garantia jurídica de que os parlamentares dispostos a acompanhá-lo não perderão seus mandatos. Bolsonaro quer ainda que a Justiça congele os recursos partidários do PSL. Entenda o que pode e o que não pode na troca de partido.r

Quem poderia seguir Bolsonaro em uma eventual saída do PSL?

A legislação atual permite mudança de partido sem perda de mandato em apenas três casos: mudança significativa no programa da sigla, grave discriminação política e pessoal, ou encaixe na janela partidária — um período de 30 dias no início de todo ano eleitoral.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já manifestou que essas condições se aplicam apenas em cargos proporcionais — ou seja, deputados e vereadores. Prefeitos, governadores, senadores e o próprio presidente da República podem mudar de partido a qualquer momento sem perder o mandato.

6 de outubro de 2019

“Tá na casa da sua mãe”! Resposta correta de Bolsonaro a uma pergunta imbecil


Ao ser questionado sobre o assessor Fabrício Queiroz, o presidente Jair Bolsonaro respondeu com um sonoro “Tá com a sua mãe”. O caso ocorreu na manhã deste sábado (5/10), nas redondezas do Palácio da Alvorada.

Bolsonaro estava passando no local com uma motocicleta vermelha e um capacete preto. Ainda em cima do veículo, o presidente decidiu então fazer uma rápida interação com algumas pessoas que estavam no local. Enquanto muitos gritavam palavras de apoio e o próprio nome do presidente, uma das pessoas — um ciclista —, entretanto, gritou “e o Queiroz?”.

O líder do executivo então levantou um braço e em resposta afirmou: “Tá com a sua mãe”. Em seguida, rapidamente saiu com a moto. Após o contratempo, o ciclista foi recriminado pelos outros populares. 

ENTENDA

Queiroz foi um dos assessores que trabalharam com a família Bolsonaro. O ex-funcionário é apontado importante peça nas investigações de movimentação suspeita envolvendo nomes da família.

NOTA DO BLOG: É isso mesmo presidente! Resposta à altura. Parabéns!

Lei que torna transporte irregular infração gravíssima entra em vigor


A partir deste sábado (5), quando entra em vigor a Lei nº 13.855, o transporte “pirata” de passageiros, incluindo de estudantes, passa a ser considerado infração gravíssima ao Código de Trânsito Brasileiro.

Publicada no Diário Oficial da União de 8 de julho, a Lei nº 13.855 alterou o Código, tornando mais rigorosas as penalidades aplicadas aos motoristas flagrados transportando passageiros mediante remuneração, sem terem a autorização para fazê-lo.

Henrique Alves mandou cachaça para agradecer arquivamento de investigação, relata Janot


Desde pedidos para ele próprio não ser investigado até uma solicitação para que não se investigasse o então presidente da Câmara, Eduardo Cunha, passando por outros pedidos emocionados de clemência que resultaram em cenas de choro e até o envio de uma garrafa de cachaça de presente.

Todos esses episódios, alguns mais e outros menos conhecidos, teriam sido protagonizados pelo ex-ministro Henrique Eduardo Alves e estão relatados no controvertido livro que o ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot acaba de lançar pela editora Planeta do Brasil com o sugestivo título “Nada menos que tudo”.

A obra – que já rendeu ao ex-PGR a suspensão do porte de armas, uma revista em sua residência com a apreensão de computador, telefone celular e a proibição de entrar no recinto do Supremo Tribunal Federal ou se aproximar dos ministros, tudo após ele dizer que entrou armado na Corte para matar Gilmar Mendes e depois se suicidar – está sendo enviada às centenas pelo WhatsApp, num autêntico vazamento de conteúdo digno da Operação Lava Jato.

Família brasileira empobreceu em nove anos, aponta IBGE


Em nove anos, caiu o percentual de famílias brasileiras que têm renda mensal superior a seis salários mínimos e aumentou o número delas que vive com menos do que esse valor.

Os dados são da POF (Pesquisa de Orçamento Familiar), divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).
A pesquisa mostra ainda que 2,7% das famílias brasileiras concentram 19,9% da renda. Outros 23,8% vivem com menos de dois salários mínimos por mês, em um sinal de que a desigualdade de renda permanece grande no país.

Os dados reforçam ainda que a renda com aposentadorias e pensões é um dos fatores que ajuda a ampliar a distância entre os extremos no país.

Servidores que ingressaram até 2003 terão direito a aposentadoria integral


Servidores públicos foram os únicos beneficiados pela mais recente versão da reforma da Previdência, anunciada pelo relator no Senado, Tasso Jereissati (PSDB-CE).

Das 77 emendas apresentadas no plenário com sugestões de mudanças no texto, apenas uma foi aceita: a que permite a quem ingressou no serviço público antes de 2003 e recebe, além do salário, gratificação por desempenho, tenha direito a aposentadoria integral.

Prejuízo mundial com paraísos fiscais chega a US$ 800 bilhões


Um paraíso fiscal é um país, ou um território de sua dependência, que oferece condições fiscais atrativas para investidores estrangeiros, como alíquotas tributárias baixas ou inexistentes.

Além de abrir brecha para problemas de fiscalização, a existência desses refúgios custa em torno de US$ 800 bilhões à economia mundial, devido à falta de tributação de pessoas físicas e jurídicas.

As receitas fiscais corporativas perdidas, ou seja, não recolhidas, vão de US$ 500 bilhões a R$ 600 bilhões por ano. As estimativas estão no blog do Fundo Monetário Internacional (FMI). O prejuízo no recolhimento do Imposto de Renda individual fica em torno de US$ 200 bilhões por ano entre países que não participam da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), grupo de países mais desenvolvidos.

30 de setembro de 2019

Levantamento mostra Bolsonaro com 75% de aprovação


Segundo o Portal R7, uma pesquisa realizada pela intenet mostra que o presidente Jair Bolsonaro tem índice de aprovação de 75% junto ao eleitorado brasileiro. O levantamento foi feito por meio do site Strawpool, com votos de internautas.

O levantamento online mostra que, se a eleição para presidente da República fosse hoje, 75,81% dos votos seriam para Jair Bolsonaro. A pesquisa, que utiliza o método de pergunta/resposta já ouviu mais de 63 mil pessoas. No mesmo levantamento, Ciro Gomes aparece com 7,31%, Amoedo 7,12%, Haddad 2,89%, Doria 2,6%, Jorge Kajuru 1,5%, Ronaldo Caiado 1,42%, Luciano Huck 1,07% e Marina Silva 0,34%.

Com informações do R7

Partidos mudam leis há 22 anos para tirar mais dinheiro do nosso bolso


Desde 1997, os partidos políticos alteram as leis e os limites de gastos, como se viu agora na tentativa de ampliar o Fundão Sem Vergonha, para facilitar o acesso aos cofres públicos. O presidente Jair Bolsonaro vetou algumas, mas é improvável que os vetos sejam mantidos pelo Congresso. As alterações são manobras para acesso livre ao bolso do cidadão, fazendo-o pagar, além de campanhas, até multas eleitorais. Na campanha de 2020, já estão autorizados a nos tirar R$1,7 bilhão. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Em 1997, os partidos cancelaram os parâmetros da Lei de Licitações e o dinheiro deixou de ser gasto pela melhor relação custo/benefício. Já em 1998, o Congresso proibiu o cancelamento do registro de um partido que não apresentar ou tiver as contas rejeitadas.

Caixa lança aplicativo para apostas com nove modalidades de jogos


Apostadores terão mais uma opção para jogar nas modalidades de loterias. Já está disponível o aplicativo Loterias Caixa, plataforma de vendas de apostas via celulares. Segundo a Caixa, o novo serviço aumenta os canais disponíveis aos apostadores, permitindo o registro de apostas em nove das dez modalidades das loterias federais, de qualquer lugar e de forma prática, segura e digital.

Para utilizar o aplicativo, o usuário precisa ter mais de 18 anos e efetuar um cadastro uma única vez, inserindo o CPF (Cadastro de Pessoa Física) e criando uma senha para acesso. O usuário já cadastrado no portal Loterias Online deve utilizar os mesmos dados para acesso. O pagamento das transações realizadas pelo aplicativo Loterias Caixa é feito com cartão de crédito, com valor mínimo de compra de R$ 30 por transação e máximo de R$ 500 por dia.

Vídeo: por que a esquerda não quer a aprovação da reforma da Previdência

Entenda porque a Reforma da Previdência sofre tantos atrasos para ser aprovada. Nossos representantes não pensam no futuro do país e dos brasileiros. Pensam em sí mesmos e atrasam as decisões por medo da reeleição de Jair Bolsonaro.

WhatsApp vai parar de funcionar


Se você não larga do WhatsApp e tem um smartphone antigo, rodando o iOS 8 ou o Android 2.3, preste atenção: em breve seu aparelho não será mais capaz de rodar o app.

Segundo a página de suporte do WhatsApp, o aplicativo agora exige o iOS 9 ou superior. Quem tem aparelhos com o iOS 8 ainda consegue usar o app, mas não será capaz de criar novas contas ou verificar contas já existentes. Entretanto, em 1º de Fevereiro de 2020 o app deixará de funcionar completamente nesta versão do sistema.

Já entre os Android, quem tem um aparelho com o Android 2.3.3 a 2.3.7 está na mesma situação: já não pode criar novas contas ou verificar contas antigas, e em 1º de Fevereiro de 2020 perderá acesso ao app.

JBS antecipa R$ 1,5 bilhão a bancos e libera R$ 7,8 bilhões em garantias


A JBS informou nesta segunda-feira (30), em comunicado ao mercado, que concluiu o pagamento da totalidade das dívidas com bancos, reguladas pelo Acordo de Normalização. Foi pago o valor de R$ 1,5 bilhão (US$ 358 milhões), antecipando o vencimento, previsto para julho de 2021. Eis a íntegra do comunicado.

Com isso, a empresa liberou R$ 7,8 bilhões em garantias que estavam atreladas ao pagamento integral da dívida.

24 de setembro de 2019

Bolsonaro na ONU: “É falácia que o Brasil não proteja o meio ambiente”


O presidente Jair Bolsonaro (PSL) classificou como “falácia” o discurso de que a Amazônia esteja sendo destruída pelo seu governo. Em seu discurso na abertura da 74ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), cujo tema é “Reunir esforços multilaterais para erradicação da pobreza, educação de qualidade, ações climáticas e inclusão”, o presidente brasileiro disparou contra a França, mesmo sem citar o nome do país ou do seu presidente, Emmanuel Macrón, que antagonizou com Bolsonaro ao longo da crise gerada pelo aumento nos incêndios na região da Amazônia.

“Clima seco favorece queimadas espontâneas e criminosas”, argumentou. “Problemas qualquer país os tem. Os ataques sensacionalistas que sofremos por grande parte da mídia internacional despertaram o nosso sentimento patriota. É falácia dizer que a Amazônia é de propriedade internacional”, prosseguiu.

Quem não gostou do discurso do Presidente Bolsonaro na ONU:


– Bajuladores de ditadoras comunistas

– Lacradores de twitter

– Encrencados na Lava Jato

– O Macron

– O Raoni

– Defensores da ideologia de gênero

Enfim, quem queria eleger o poste do presidiário Lula.

Bolsonaro ‘matou a pau’. E Morreu Maria Preá.

Bolsonaro disse tudo e mais um pouco que a ONU precisava ouvir há tempos. Discurso histórico, corajoso, objetivo, coisa de ESTADISTA com todas as letras em maiúsculo.

Parabéns Presidente, tirou um engasgo, um nó das nossas gargantas.

Goste-se ou não, Bolsonaro fez um discurso de estadista, avalia o Antagonista


O discurso de Jair Bolsonaro foi forte: disse que o Brasil se encontrava ameaçado pelo socialismo, atacou a corrupção que assolava o país nos governos petistas, com elogio explícito a Sergio Moro, partiu para cima do regime venezuelano, do Foro de São Paulo, da ação cubana na América do Sul e do ambientalismo manipulado por uma visão colonialista.

O presidente afirmou que a Amazônia não está em chamas, ao contrário do que diz a mídia internacional, e criticou a tentativa de tolher a soberania brasileira na região. Atacou o cacique Raoni, dizendo que ele não é o único representante dos povos indígenas, e leu uma carta assinada por representantes de mais de 50 tribos que pediam desenvolvimento nas reservas e legitimavam a índia Ysani Kalapalo, que integra a comitiva brasileira. Bolsonaro também reforçou o compromisso do Brasil com o livre-comércio e o respeito a acordos internacionais, que disse pretender multiplicar. Ele defendeu a democracia de expressão e informação.

Na última parte, “terrivelmente evangélico”, criticou a perseguição de caráter religioso e atacou transversalmente a chamada ideologia de gênero.

Goste-se ou não, Bolsonaro finalmente fez um discurso de estadista.

23 de setembro de 2019

A mina de ouro das inserções partidárias


Com os ouvidos mocos do Congresso mais uma vez ignoraram as vozes de repúdio da sociedade à flexibilização das regras de transparência das contas partidárias e ao aumento dos subsídios e benesses aos partidos.

Em uma manobra regimental, a Câmara retomou o texto que havia sido rejeitado pelo Senado. Uma das mudanças com maior impacto financeiro é o retorno das propagandas partidárias no rádio e na TV. A farra custará ao povo cerca de R$ 1 bilhão em isenção fiscal para as emissoras de rádio e de TV por ciclo eleitoral.

Presidente Bolsonaro tem até 4 de outubro para vetar ou sancionar lei eleitoral


Está nas mãos do presidente da República Jair Bolsonaro a decisão de sancionar ou vetar (total ou parcialmente) o projeto que altera regras eleitorais (Projeto de Lei 5029/19).

Para valerem já nas eleições municipais de 2020, as novas regras precisam ser sancionadas até o dia 4 de outubro.

TSE: grupo anti-fake news defenderá urna eletrônica


Um grupo recém-criado pelo TSE para combater fake news na eleição de 2020 terá como uma prioridade a defesa da urna eletrônica, alvo de ataques do presidente Jair Bolsonaro.

Haverá uma campanha sobre o aparelho, além de novos testes. “Vamos ampliar a transparência do processo e de educação sobre a urna”, diz o juiz Ricardo Fioreze, coordenador dos trabalhos.

Criado em 30 de agosto, o grupo tem sete integrantes, entre os quais o ex-diretor-geral da PF Rogério Galloro. É a primeira vez que há uma estrutura formal como essa na Justiça Eleitoral contra fake news. “Na eleição municipal, com milhares de candidatos, o trabalho do TSE será ainda mais difícil do que no ano passado”, prevê Fioreze.

Sem imposto, sindicatos estão em queda livre


Com o fim do imposto sindical obrigatório após a reforma trabalhista, estão despencando os pedidos de abertura de novas entidades. De acordo com Ministério do Trabalho, foram apenas 92 cartas emitidas em 2018, o que representa queda de 72,6% em relação aos criados em 2016, antes da reforma sepultar a fonte de grana fácil. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Não foi apenas a proliferação de sindicatos de trabalhadores que caiu. A criação das entidades patronais despencou ainda mais: 78,6%.

Até meio de setembro, o Ministério do Trabalho emitiu 70 autorizações de criação de sindicatos laborais e 11 patronais. Na média pós-reforma.

Só em 2006, o governo Lula autorizou a criação de 9.382 sindicatos. Mais de 25 novos sindicatos por dia, incluindo sábado e domingo.

O Brasil tem o recorde mundial de sindicatos. Atualmente, são 16.889, além de 603 federações, 50 confederações e 14 centrais sindicais.

Diário do Poder

21 de setembro de 2019

Últimas modificações para as eleições de 2020


A aprovação das normas eleitorais pela Câmara poderá ter sido a última modificação em relação às eleições de 2020, que não terá mais coligações proporcionais, havendo ampliação do número de candidatos por partido e redução do tempo de domicílio eleitoral.

Seis meses de domicílio eleitoral


A última eleição municipal, o candidato teria que possuir domicílio eleitora na respectiva circunscrição pelo menos um ano antes do pleito. Para as eleições de 2020, o candidato deve possuir domicílio eleitoral pelo prazo mínimo de 6 meses.

Após operação da PF, Planalto já avalia substituto para Bezerra


O Palácio do Planalto já avalia dois nomes para substituir Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) da liderança do governo no Senado, apesar do apoio de parlamentares à sua permanência no posto. Bezerra colocou o cargo à disposição quinta-feira, 20, após ter se tornado alvo de uma operação de busca e apreensão da Polícia Federal, que vasculhou dois gabinetes do emedebista em uma investigação sobre suspeitas de que ele e seu filho, o deputado Fernando Coelho Filho (DEM-PE), receberam R$ 5,5 milhões em propinas.

Os dois nomes cogitados para ocupar o cargo de Bezerra devem ser discutidos por aliados com o presidente Jair Bolsonaro quando ele retornar dos Estados Unidos, onde participa da Assembleia-Geral da ONU na próxima semana. “Essa questão ele (Bolsonaro) vai abordar, se assim desejar, no retorno dessa viagem”, afirmou ontem o porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros, quando questionado sobre a permanência de Bezerra na Liderança do Governo. “O presidente hoje tem foco. O foco é Nova York. Nova York é importante para o nosso país”, completou.

Previdência: aprovação antecipa aposentadorias no MP


A perspectiva de aprovação da reforma da Previdência no Congresso provocou baixas no Conselho Superior do Ministério Público de SP, que tem entre suas atribuições definir a movimentação da carreira e a promoção de promotores.

A mais recente aposentadoria é a do secretário do órgão, Augusto Rossini.

Dos 9 membros eleitos para o conselho, só 6 permanecem na instituição. Em média, 14 integrantes do MP-SP se aposentam por ano. Em 2019, o número já passou de 80.

Educação, Economia e Defesa vão receber 65% dos recursos desbloqueado


Com o anúncio do governo de que vai desbloquear R$ 8,3 bilhões do Orçamento, três ministérios foram mais beneficiados e vão receber o equivalente a 65% dos recursos: Educação, Economia e Defesa. No total, as três pastas receberão o total de R$ 5,39 bilhões. A Advocacia-Geral da União (AGU), o Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos e a Controladoria Geral da União (CGU) aparecem na outra ponta com as menores liberações, somando R$ 80,4 milhões.

A Educação é quem vai receber a maior quantia: R$ 1,99 bilhão. Os recursos devem ir para recompor parte dos cortes aplicados a universidades, institutos federais, para a aquisição de livros didáticos e para o pagamento de bolsas de pesquisa da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

NC prevê a abertura de 8,7 mil pontos comerciais até o fim do ano


Cerca de 8,7 mil pontos comerciais devem ser abertos no país até o fim do ano, segundo levantamento divulgado nesta sexta-feira (20/9) pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

De acordo com a pesquisa, a abertura de novas lojas deve ser 25% inferior ao número registrado em 2018 (11,7 mil).

Segundo o economista da CNC Fabio Bentes, o resultado é “reflexo do fraco nível de atividade da primeira metade de 2019”, quando foram abertos 3,3 mil pontos comerciais.

E se fosse a família Bolsonaro?


O PT acertou na Mega-Sena. Certo? Certo! Vai ficar no Capitalismo ou Socialismo? É o único caso de petistas que ficaram ricos sem roubar. E o dízimo do PT. Não vai ter?

Imagine se fosse os filhotes de Bolsonaro que tivessem acertados. Tinha sido roubo, com certeza!

19 de setembro de 2019

Casa e apartamento de luxo de Silval vão a leilão


O Tribunal de Justiça do Estado divulgou, nesta quarta-feira (19), fotos de sete imóveis entregues pelo ex-governador Silval Barbosa à Justiça, e que irão a leilão.

Os imóveis fazem parte do contrato de colaboração premiada para ressarcir os cofres públicos, e possuem valor total de R$ 51 milhões.

Silval foi condenado a mais de 25 anos de prisão por organização criminosa, concussão e lavagem de dinheiro. Ele ficou menos de quatro anos preso em regime fechado e domiciliar, e está no semiaberto desde maio deste ano.

Dentre os bens, dois se destacam pelo valor dos lances. O primeiro é um apartamento no Edifício Riviera da América, no bairro Jardim das Américas, em Cuiabá. O imóvel tem valor inicial de R$ 1,2 milhão.

Apesar da descrição dos bens não estar publicado, a reportagem apurou que no local há apartamentos de até 245 metros, 4 suítes, 6 banheiros e 3 vagas de garagem.

Silval morou no apartamento enquanto governou o Estado, entre 2010 e 2014.

WhatsApp testa função que esconde ‘amigos chatos’


O WhatsApp está testando, em sua versão Beta para celulares Android, um recurso que esconde por completo os Status de contatos indesejados que foram silenciados.

Até então, por mais que fosse possível silenciar as atualizações de determinada pessoa, o material continuava sendo exibido, mas com a cor esmaecida. Agora, com a função “Silenciar”, é possível ocultar de vez as publicações de pessoas inconvenientes

Ministério da Economia descarta congelamento do salário mínimo


O ministério da Economia esclareceu que o governo não tem a intenção de congelar o salário mínimo. Assim, o valor continuará sendo reajustado de acordo com a inflação.

No início da semana surgiu boato sobre a possibilidade de incluir o congelamento do salário mínimo como um dos gatilhos da PEC 438, que altera as regras fiscais.

18 de setembro de 2019

Equipe do Mutirão Rural realiza mais de 1000 atendimentos em Brasnorte


A caravana do Mutirão Rural, programa realizado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT), em parceria com os Sindicatos Rurais, faz neste mês de setembro, os últimos eventos de 2019. Na quarta-feira (11.09) esteve na Gleba Tibagi, em Brasnorte. Nesta sexta-feira (13.09), a equipe estará na comunidade Linha Alto Sapezal, no município de Sapezal e, amanhã (14.09), o Mutirão Rural será na fazenda Itamaraty Norte, em Campo Novo do Parecis.

Na Gleba Tibagi, no município de Brasnorte, de acordo com o presidente do Sindicato Rural de Brasnorte, Valdir Ostetti, o Mutirão superou as expectativas de público. "Foram mais de 1000 atendimentos. De todos os Mutirões que já fizemos, esse foi, sem dúvida, o maior de todos".

Segundo o presidente do Sindicato Rural de Brasnorte, a população compareceu "em peso" ao evento. "A comunidade pôde aproveitar todos os serviços ofertados e o evento foi muito elogiado", conta Valdir Osteti.

O Senar-MT realiza o Mutirão Rural em parceria com os Sindicatos Rurais, prefeituras e diversos outros parceiros. O objetivo é levar serviços e cidadania às comunidades rurais que estão mais distantes dos centros urbanos.

500 crianças e adolescentes do Piauí são beneficiados com hortas pedagógicas


Cerca de 500 crianças e adolescentes de duas escolas públicas da cidade de José de Freitas, no Piauí, serão beneficiados com a entrega de hortas pedagógicas em instituições de ensino. 

A entrega foi realizada durante esta semana nas escolas Tia Amélia, na zona urbana, e José Pacífico de Sousa, na zona rural. O estímulo à alimentação saudável por meio de práticas didáticas é o foco de parceria entre o Ministério da Cidadania e a Embrapa Hortaliças.

Nesta sexta-feira, juntamente com as entregas, no Instituto Federal do Piauí, localizado em José de Freitas, realizou um seminário para discutir o papel das hortas pedagógicas na segurança alimentar e nutricional do município. 

A coordenadora-geral de Apoio à Agricultura Urbana e Periurbana do Ministério da Cidadania, Kelliane Fuscaldi, participou das ações no município piauiense. Ela ressaltou a influência que a horta vai exercer sobre a alimentação das crianças do município.

Debate nacional sobre educação básica é realizado em Cuiabá


O 2º Encontro de Presidentes de Comissões de Educação das Assembleias Legislativas, no último final de semana em Cuiabá-MT,  reuniu parlamentares estaduais e federais de outros estados, promoveu o debate sobre a situação atual da educação nacional, os fundos de investimentos e o impacto da reforma da previdência.

Na pauta, debates sobre a condição de trabalho dos professores, estrutura escolar, grade de horário, período de trabalho para a aposentadoria dos profissionais da educação, saúde mental dos docentes, entre outros.

EMDR, método criado para tratar veteranos de guerra, pode evitar o suicídio


Segundo a Organização Mundial da Saúde - OMS a cada 40 segundos, uma pessoa morre por suicídio em algum lugar do mundo. 

Mais de 800 mil pessoas se matam todos os anos. O suicídio foi a segunda principal causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos em todo o mundo no ano de 2016. "Para cada morte, há ainda um número maior de pessoas que tentam o suicídio e a tentativa prévia é o fator de risco mais importante para o suicídio na população em geral", diz Sirley Bittu, psicóloga e vice-presidente da Associação Brasileira de EMDR, que difunde pelo Brasil a abordagem criada nos anos 90 nos EUA e recomendada pela Organização Mundial da Saúde para tratamento de traumas. "O EMDR como forma de prevenir as tentativas de suicídio já se mostrou eficaz também", afirma Sirley.

O EMDR é uma forma de psicoterapia eficaz na prevenção do suicídio, pois permite ao paciente identificar, elaborar e superar traumas e eventos adversos que contribuem para uma visão pessimista e sem esperança da própria vida. 

Quando uma situação traumática acontece, a pessoa fica presa no momento do evento, flashbacks, pesadelos e insônias são sintomas frequentes, que denunciam a dificuldade de elaborar a situação vivenciada. Com o EMDR o paciente é ajudado a integrar essa memória à sua biografia, tornando-se parte de sua história e não mais de seu presente.

Deputado propõe ajuda humanitária aos venezuelanos refugiados em Cuiabá


Mato Grosso vivencia um grande fluxo migratório. De 2012 para cá, chegaram à capital Cuiabá haitianos sobreviventes de catástrofes naturais que devastaram o país. 

Nos últimos anos, a imigração espontânea tem sido de famílias venezuelanas afetadas pela depressão econômica e crise política e social vivenciada no país de origem. Para fortalecer e estruturar melhor a rede de acolhimento, o deputado estadual Doutor João (MDB) apresentou o Projeto de Lei nº 714/2019, que institui a Política Estadual para a População Migrante.

Na atualidade, muitas famílias venezuelanas vivem em situação de rua em Cuiabá, pedindo auxílio em semáforos, inclusive carregando bebês de colo em visível situação de vulnerabilidade social. São pais e mães que foram afetados pela crise econômica da Venezuela e vieram ao Brasil em busca de oportunidade de emprego. Com Assessoria

17 de setembro de 2019

Tumor de Testículo, o câncer que atinge os jovens


A Sociedade Europeia de Urologia e a Associação Americana do Câncer revelam que a incidência do tumor de testículo vem aumentando nas últimas décadas, especialmente nos países industrializados e estima-se que atualmente ocorra até 10 novos casos/ano a cada 100 mil homens e para o ano de 2019 haverá aproximadamente 71 mil novos casos e 9.500 mortes no mundo.

Os testículos tem por função a produção da testosterona (hormônio masculino) e formação dos espermatozoides e estão localizados no escroto, bolsa sob a base do pênis.

Mais de 95% dos cânceres de testículos tem seu início nas células germinativas, responsáveis por produzir os espermas. As neoplasias mais frequentes de origem germinativa são os Seminomas e Não Seminomas.

Uma das principais características do câncer de testículo e o modo de crescimento rápido do tumor com alto poder de disseminação a distância (metástase), porém quando diagnosticado precocemente a chances de cura são elevadas.

Fatores de risco que aumentam a probabilidade de neoplasia testicular são conhecidos e destacamos a criptorquidia (presença do testículo fora do escroto), antecedentes pessoais ou familiar de câncer testicular, Síndrome de Klinefelter e o carcinoma in situ testicular.

Na maioria das vezes, o primeiro sintoma de câncer testicular é a simples identificação de um nódulo indolor, endurecido e de crescimento rápido, que leva o paciente a procurar um urologista.

O tumor testicular, em fases iniciais, pode simular outras doenças do escroto que causem dor e aumento de volume como a inflamação do testiculo (orquite) ou do epididimo (epididimite), além de hidrocele (líquido no escroto), varizes (varicoccele), cistos, hematomas e até hérnias.

Um sinal raro do câncer de testículo é o crescimento da mama (ginecomastia) que pode estar acompanhado de dor (mastalgia). Isso acontece porque certos tipos de tumores de linhagem germinativa secretam altos níveis de um hormônio chamado gonadotrofina coriônica humana (HCG), que estimula o desenvolvimento das mamas.

Em casos de doença avançada o paciente pode apresentar emagrecimento, dor em vários locais do corpo ou desconforto respiratório devido ao comprometimento tumoral de outros órgãos.

O tumor de testículo pode e deve ser encontrado em um estágio inicial. O ideal é a realização do auto exame digital dos testículos e a melhor hora para a realização do exame é durante ou após um banho, quando o escroto está relaxado.

O Urologista, faz o diagnóstico desta neoplasia a partir da identificação dos sinais e sintomas relatados pelo paciente, somado a um exame físico que identifica um nódulo no testículo, além da análise de exames laboratoriais (alfafetoproteina, gonatrofina coriônica humana e a desidrogenase láctica) que nem sempre estão alterados e de um ultrassom, método de imagem mais indicado no rastreamento tumoral.

O tratamento multidisciplinar pode ser necessário, mas a cirurgia constitui o primeiro passo no tratamento que em muitas vezes pode curar o paciente. A cirurgia ocorre por uma incisão na região inguinal (verrilha), conhecida como orquiectomia radical (retirada de testículo, epidídimo e cordão espermático). Não se abre o escroto, e o lado da bolsa em que se extraiu o testículo fica vazio, possibilitando a implantação de uma prótese testicular.

Tratamento complementares como Radioterapia, Quimioterapia e cirurgias completares, poderão ser indicados, depois da análise do tipo de célula cancerígena encontrada, da extensão tumoral e da presença ou não de metástase que será avaliado por tomografia computadorizada.

Diante da possibilidade de tratamento complementar é importante orientar o paciente para preservar sêmen (espermatozoides) visando fertilidade futura.

Em suspeita de um tumor de testículo, procure um Urologista imediatamente, esta atitude pode ser o diferencial.

Senado deve votar nesta terça flexibilização da lei eleitoral


De olho nas eleições de 2020, senadores correm para aprovar no Plenário o projeto de lei (PL) 5.029/2019, que faz alterações nas regras eleitorais. O texto tramita em regime de urgência, mas na última sessão deliberativa do dia 11, senadores reclamaram do pouco tempo para análise do projeto.

Então, foi feito um acordo para que a Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania (CCJ) avaliasse a matéria antes de o tema voltar para discussão no plenário nesta terça-feira 17.

16 de setembro de 2019

PCdoB contra as novas carteirinhas estudantis


O PCdoB vai pedir a Rodrigo Maia para ter a relatoria da MP que cria a carteira estudantil digital.

Na prática, o novo modelo digital encolhe ainda mais o PCdoB, já que acaba com as principais fontes de financiamento da UNE e da Ubes, que são controladas há anos pelo partido.

Vereadores de olho na possível mudança eleitoral


Os vereadores de todo país estão na expectativa de mudanças na lei eleitoral, sobretudo no item relacionado às coligações proporcionais.

A maioria deseja o retorno ao modelo antigo, mas, para que isso seja possível, o Congresso terá que aprovar a matéria até o final deste mês.

Número de mortes violentas no país caiu 10,43%


O Brasil registrou 57.341 mortes violentas intencionais em 2018, redução de 10,43% em relação ao ano anterior, quando o número chegou a 64.021. Os dados fazem parte do Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2019, divulgado hoje (10) pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. O total de 2018 é o menor desde 2013 (55.847 casos).

A taxa de homicídios para cada grupo de 100 mil habitantes chegou a 27,5 no país em 2018, enquanto em 2017 era de 30,8 – uma redução de 10,8%. No recorte por unidades federativas, as maiores taxas estão em Roraima (66,6), no Amapá (57,9), no Rio Grande do Norte (55,4) e no Pará (54,6). Já as menores foram registradas em São Paulo (9,5), Santa Catarina (13,3), Minas Gerais (15,4) e no Distrito Federal (16,6).

PC do B e MDB param a ANCINE com briga de poder


Após “aparelhar” em governos do PT os cargos de direção e assessoria da Ancine, a “agência reguladora” do cinema nacional, o PC do B não larga o osso. Alguns saíram com o ex-presidente da entidade Manoel Rangel, que se agarrou ao cargo por dez anos, caso inédito entre agências reguladoras, mas vários deles, ligados ao partido, não tiveram a dignidade de pedir demissão após a vitória do “inimigo” mais temido e odiado, Jair Bolsonaro, em 2018. Atualmente se fingem de mortos.

CNH vencida vale como documento de identificação pessoal, decide STJ


Mesmo vencida, a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vale como documento de identificação pessoal. Isso porque, segundo a 1ª Turma do Superior Tribunal de Justiça, o prazo de validade diz respeito apenas à licença para dirigir.

Dessa forma, segundo o colegiado, o candidato que apresente CNH vencida para identificação não pode ser impedido de fazer prova de concurso público, ainda que o edital expressamente vede o uso de documentos com prazo de validade expirado.

Lei que facilita caixa 2 é grave retrocesso e será contestada, diz Fux


O projeto de lei prestes a ser aprovado no Senado, que aumenta o fundo eleitoral e inviabiliza a fiscalização da prestação de contas de campanha, “vai passar sem um crivo bem rigoroso de constitucionalidade”, disse hoje Luiz Fux.

“Entendo que a era hoje é a era da transparência. E, com o dinheiro público, o segredo não pode ser a alma do negócio. De sorte que a transparência é uma exigência da sociedade em relação a tantos quantos lidam com o dinheiro público. Entendo que, se a lei representa um grave retrocesso, vai passar sem um crivo bem rigoroso de constitucionalidade”, disse o ministro num congresso de direito no Rio, informa O Globo.

Tangará da Serra agoniza no calor de 37 graus


Esta segunda-feira, 16, está sendo um dos dias mais quentes deste ano em Tangará da Serra. Os termômetros estão assinalando a marca dos 37 graus Celsius com a sensação de 38.

Esse calorzão já está prejudicando a saúde dos tangaraenses. Temos notícias de aumento de atendimento pela saúde pública do município, com inúmeras pessoas se queixando de variados tipos de problemas.

No município, não há mais nada na redondeza que não tenha sido alvo das queimadas.

As Serras de Tapirapuã, Parecis e Deciolância, ainda têm muitas chamas destruindo o que ainda resta da seca vegetação.

A administração municipal diz que o racionamento d’água anunciado semana passada não comprometerá de todo a cidade.

E todo mundo torce para que cheguem logo as chuvas para resolver de vez esses problemas proporcionados pela cruel estiagem.

15 de setembro de 2019

Nova Coaf estuda limites à indicação de conselheiros


Indicado para relatar a Medida Provisória que coloca o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) sob o guarda-chuva do Banco Central, o deputado Reinhold Stephanes Jr. (PSD-SC) deve limitar a algumas categorias a prerrogativa de ocupar vaga de conselheiro do órgão.

O texto que o governo editou não prevê travas para indicações ao Coaf. O plano inicial era restringir a ocupação do órgão a servidores do BC, mas Stephanes busca caminho intermediário, permitindo que entidades da sociedade civil, como federações de indústrias e associações comerciais, possam apontar nomes.