24 de novembro de 2008

Agricultores entram com ação judicial para impedir apreensão de máquinas

A Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso deve entrar nesta segunda (24) com uma ação na justiça para tentar impedir a apreensão de máquinas agrícolas.

Os agricultores reclamam que as medidas anunciadas pelo governo para aliviar a falta de crédito no campo são insuficientes.

"O ministro da Agricultura afirmou que o governo não vai mais ajudar os produtores ruais que não pagam os empréstimos tomados para realização de investimento", disse o presidente do sindicato rural de Rondonópolis, Ricardo Tomzyck, se referindo às medidas anunciadas pelo governo federal.

Ele alega que é inútil, uma vez que os produtores que estão devendo não têm mais garantias para oferecer aos bancos.

NOTA DO BLOG: Chega ser engraçado esse fato. Quando nós pobres mortais não arcamos em dia com nossos compromissos temos os nomes inseridos no Serasa, SPC, e sofremos todos os tipos de ameaças por parte dos orgãos que defendem o capital. Em algumas oportunidades, nossos bens são até sequestrados pela Justiça.

NOTA DO BLOG: Está na hora dos governos tratarem esse pessoal da agricultura de igual para igual com a gente que também trabalha para fazer esse País crescer. Ou estou errado?

Um comentário:

  1. Existem agricultores que agem com má fé, isso é indiscutível. Ao invés de adimplirem seus compromisos, trocam de veículos todo fim de ano e vão à praia passar as festas natalinas com a família.
    De outro giro, temos que viabilizar políticas sérias para combater os reflexos da crise na agriculrura se não quisermos quebrar toda uma economia nacional.
    O que seria o MT e sua população sem o agronegócio?!
    Quanto será que custa atualmente para plantar no Brasil?!
    Será que todos os agricultores não pagam seus financiamentos (insumos, implementos, etc)porque são malfeitores ou caloreiros?!
    Pasmem!
    A moeda tem dois lados, e a generalização mostra a falta de conhecimento acerca do tema debatido: Dívidas na Agricultura!

    ResponderExcluir

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com