16 de março de 2014

Entra ano e sai ano e não vemos melhoras na saúde

Jornalista Dorjival Silva
Entra ano, sai ano, e não vemos uma melhoria substancial na área de saúde no Brasil. Em nosso Estado, também não tem sido diferente. A situação continua a mesma ou pior. Ir a um hospital público é sempre uma tortura. O sofrimento das pessoas e a falta de assistência são notórios na maior parte da rede de saúde.

Precisar da saúde pública e até mesmo privada hoje não está fácil. A superlotação, a ausência de médicos plantonistas em algumas especialidades, a falta de leitos de UTIs, a falta de medicamentos, a falta de exames e outras deficiências têm se tornado rotina.

O grande problema é que as mesmas deficiências no sistema de saúde perduram por muito tempo e não vemos, pelo menos no curto prazo, a possibilidade de avanços significativos que melhorem a situação crítica em que se encontra. Essa é uma realidade que temos que encarar. A população precisa cobrar mais de nossas autoridades, primordialmente novos investimentos na construção de hospitais para aumentar o número de leitos, bem como melhorar a estrutura atual que está muito aquém da necessidade.

Isso porque da forma como está não pode continuar. É necessário os governos levarem mais a sério essa área, acompanhando sua evolução, haja vista que a população cresce e os investimentos não são realizados na mesma proporção, o que se torna inevitável à demanda superar a oferta. 

Enquanto nossos governantes ficarem só no discurso e não agirem, priorizando a saúde, dificilmente haverá uma mudança que atenda os anseios da sociedade. Infelizmente da forma como está, só vislumbramos mais sofrimento, principalmente dos mais necessitados. Essa é a mais pura verdade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com