10 de julho de 2014

Justiça de Goiás nega pedido de Demóstenes para encerrar processo

demostenes julgamentoOs desembargadores do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) rejeitaram por unanimidade ontem recurso do ex-senador Demóstenes Torres que pedia anulação das provas e extinção da ação em que ele responde por oito crimes de corrupção passiva.
No mesmo processo, o Ministério Público denunciou o contraventor Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, e Cláudio Dias de Abreu, ex-diretor da Construtora Delta, por corrupção ativa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com