25 de maio de 2015

Hospital que atendeu Angélica negou leitos para pacientes trazidos pelo SAMU

aviao_huck
A Santa Casa de Campo Grande, para onde a família de Angélica e Luciano Huck foi levada após o avião em que viajavam ter feito um pouso forçado nas imediações da capital do Mato Grosso do Sul, negou leitos para sete pacientes atendidos nos últimos dias pelo Serviço de Atendimento Movél de Urgência (SAMU). Segundo o coordenador do SAMU de Campo Grande, Eduardo Cury, os pacientes estão recebendo atendimento na Unidade de Pronto Atendimento da prefeitura da cidade, que não possui aparelhos básicos, como respirador artificial. “A Santa Casa disse que não tem condições de receber nossos pacientes, que são encaminhados pelo SUS. Gostaria muito que essas autoridades que viabilizaram o atendimento do Huck e da Angélica tivessem o mesmo interesse pelos outros pacientes”, afirma Cury. A família Huck foi atendida pelo Sistema Único de Saúde.
Segundo o médico, a apresentadora chegou a ser direcionada para a unidade de tratamento intensivo (UTI), que contava com respirador, para fazer os exames de praxe. Angélica ainda está em observação na unidade, enquanto Luciano Huck, seus filhos e duas babás já estão liberados. Cury argumenta que há uma pactuação ampla entre o hospital e o Sistema Único que prevê, inclusive, compra de leitos em casos muito graves. Segundo o coordenador do SAMU, houve uma tentativa de compra de leitos para os sete pacientes que precisam de atendimento hospitalar, mas a Santa Casa também negou. “O hospital é obrigado a atender pacientes graves e, depois, discute-se os custos que vão incorrer. E foi isso que tentamos fazer, sem sucesso”, disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com