18 de janeiro de 2009

Nepotismo ainda persiste em municípios de Mato Grosso

Pelo menos cinco prefeitos das maiores cidades de Mato Grosso, inclusive Cuiabá, optaram por escalar as próprias esposas para chefiar secretarias em suas administrações.

A contratação de parentes para ocuparem cargos de primeiro escalão é o resultado de brechas na chamada Lei do Nepotismo, validada pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Esse é o caso das cidades de Rondonópolis, Sinop, Cáceres e Sorriso. Os prefeitos Zé Carlos do Pátio (PMDB), Juarez Costa (PMDB), Túlio Fontes (DEM) e Chicão Bedin (PMDB) escolheram suas esposas para comandarem os trabalhos de Ação Social em seus respectivos municípios.

No Estado, a primeira-dama Terezinha Maggi comanda a Secretaria de Trabalho, Emprego, Cidadania e Assistência Social desde o início da gestão do governador Blairo Maggi.

Em Cuiabá, o prefeito Wilson Santos (PSDB) escolheu a primeira-dama, Adriana Bussiki, para comandar o Instituto de Pesquisas e Desenvolvimento Urbano (IPDU), mantida na composição do segundo mandato.

A escolha, segundo o prefeito, obedeceu critérios técnicos, já que Adriana é arquiteta. O órgão é responsável por estudos e o planejamento urbanístico da cidade.

NOTA DO BLOG: Moralize um país deste jeito...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com