17 de junho de 2009

Chegaremos ao primeiro mundo?

Pois é, a indagação abaixo é procedente: será que nós aqui no Brasil algum dia chegaremos ao estágio de primeiro mundo?

A continuarem assim certas coisas na área da educação, eu lhes afirmo que é muito difícil. Aqui no nosso país não se valoriza esse importante item da vida das pessoas.

A começar pelo salário que é pago aos professores.

Nós estamos acostumados a ver por aqui reiteradas greves de professores, que lutam não por aumento salarial, mas por um salário digno e justo.

Reconheçamos que o professor trabalha dentro e fora da sala de aula sem que seja reconhecido por isso.

Claro que o tema educação é complexo e merece uma avaliação mais aprofundada. Ademais, o salário é apenas um dos componentes desse imbróglio.

Nós o citamos apenas como exemplo. Vamos nos ater a estudar a questão para criarmos a consciência e darmos a contribuição que o Brasil espera de nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com