27 de novembro de 2014

Piora o estado de saúde do Rei Pelé e ele vai para cuidados especiais

pele cermelho
O Hospital Albert Einstein divulgou nesta quinta-feira mais um boletim com a atualização do estado de saúde de Pelé, que está internado desde a última segunda por conta de uma infecção urinária. O Rei do Futebol continua no hospital e a nota divulgada nesta tarde não apresentou novidades sobre previsão de alta.
De acordo com a equipe médica responsável pelo ex-atleta, ele apresentou instabilidade clínica e foi transferido. “O Hospital Israelita Albert Einstein informa que o paciente Edson Arantes do Nascimento (Pelé) segue internado com instabilidade clinica. Para receber os melhores cuidados, foi transferido para ser monitorado em uma unidade de cuidados especiais. O Hospital fornecerá boletim assim que houver nova informação”, aponta o boletim.
Na última quarta-feira, o hospital divulgou que Pelé seguia internado em estado estável e tomava antibióticos para curar a infecção urinária. Seus assessores, no entanto, demonstravam otimismo e chegaram a dizer que ele deveria ter alta em “um ou dois dias”. Com o boletim desta quinta, fica a dúvida em relação a uma possível alta na sexta.
Atleta profissional de 1956 a 1977, Pelé sempre foi um exemplo de jogador de futebol que passou a carreira sem ter um grave problema físico. Em julho de 1999, passou por uma cirurgia no joelho direito para a retirada de parte do menisco. Ele estava passando férias com a família nos Estados Unidos e teve dores ao correr em um parque. Dois dias depois, passou pela intervenção em Nova York.
Em 2011, Pelé foi submetido a uma cirurgia de catarata. Poucos dias depois foi à final da Copa Libertadores, na qual o Santos derrotou o Peñarol e ficou com o título continental. Entusiasmado com a conquista, o eterno camisa 10 da Vila Belmiro pegou o técnico Muricy Ramalho pela mão e correu pelo gramado do Pacaembu logo após o fim do jogo. Como estava em recuperação, teve de ser reavaliado pelos médicos.
No ano seguinte, teve de se submeter a uma cirurgia no quadril. Ele sofria com muitas dores por causa de uma artrose. Após 1 hora e 30 minutos de cirurgia, foi retirada a cabeça do fêmur e implantada uma prótese. Pelé, de 74 anos, ainda faz fisioterapia pois não recuperou totalmente os movimentos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com