21 de fevereiro de 2015

Campanha pedirá redução do consumo de energia

economialuzO governo vai começar uma campanha publicitária pela redução do consumo de energia em 1.º de março. A propaganda será veiculada por 30 dias em cadeia nacional de rádio e TV. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) apresentou às distribuidoras um resumo do que quer. A ideia é fazer uma campanha pelo uso racional de energia. Termos como racionamento e crise estão terminantemente proibidos no anúncio.
A campanha é compulsória e será financiada com recursos das próprias distribuidoras, que são obrigadas a recolher 0,5% de sua receita operacional líquida para um fundo e aplicar os recursos em projetos de eficiência energética. Cinco agências vão concorrer e apresentar seus projetos no início da próxima semana.
Embora a Aneel não tenha definido uma meta de economia de energia, fontes do governo afirmam que o país precisa obter redução de 5% no consumo para evitar um racionamento. O problema é que os consumidores residenciais, principais alvos da campanha, usam apenas 40% de toda a energia do País. Se todas as residências poupassem 10%, a economia global seria de 4% da carga total, atualmente de 70 mil MW médios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com