26 de fevereiro de 2015

Suzane von Richthofen confessa em entrevista ter sido mentora da morte dos pais

suzaneEm entrevista nesta quarta-feira (25), a réu confessa pela morte dos pais, Suzane von Richthofen, 31, condenada a 39 anos de prisão, admitiu ter planejado por meses, junto com o namorado, Daniel Cravinhos, e o cunhado, Christian, o crime, afirmando ter sido ela e Daniel os principais mentores.
Em entrevistas anteriores, Suzane havia apontado os irmãos Cravinhos como idealizadores da morte dos seus pais – O Ministério Público acreditava que ela era a mentora do crime. Ela se diz arrependida de ter conhecido o então namorado e o cunhado: “Se eu não tivesse conhecido os Cravinhos, minha vida seria muito diferente. Mas não culpo apenas eles; onde um não quer, dois não fazem”.
Entrevistada por Augusto Liberato para o “Programa do Gugu”, da “TV Record”, Suzane contou que dentro do sistema prisional há pessoas que não toleram o crime cometido contra os pais. E que por isso pediu para permanecer em regime fechado no presídio 1 de Tremembé, a ser transferida para outro presídio, onde poderia cumprir regime semi-fechado, ao qual tem direito e abriu mão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com