11 de julho de 2017

“Queda de Temer e eleição indireta serão um tiro no pé do PT”, afirma jornal

Políticos da oposição torcem pela queda de Michel Temer, mas será essa uma boa jogada para o PT e seus aliados?
Em caso de renúncia do presidente, que muita gente já dá como certa, Rodrigo Maia tem 30 dias para convocar eleições indiretas. Caberá aos deputados eleger o próximo presidente. Lembre-se os últimos eleitos por eles foram Eduardo Cunha e Rodrigo Maia. Se seguirem nessa linha, podem eleger qualquer político bom de conversa e de acordões.

Meu vizinho Alexandre Borges afirmou semana passada que parte da mídia trabalha para derrubar Temer porque Lula teria mais chances de voltar à presidência por eleições indiretas, e não pelo voto popular. Discordo. Não só Lula não se candidataria agora como tem uma minoria na Câmara. E os deputados do centrão não gostariam de voltar a 2016 elegendo alguém que agravaria a crise econômica e a crise política.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com