8 de abril de 2015

PDT já escala Leonardo para evitar possível desfiliação do governador

Carlos Lupi e Leonardo Albuquerque se
reuniram em Brasília nesta quarta-feira
O deputado estadual Leonardo Albuquerque foi escalado pelo Diretório Nacional do PDT para combater a divisão partidária e impedir a ruptura do governador Pedro Taques. A decisão foi tomada durante reunião em Brasília, nesta quinta (8), com o presidente nacional da sigla Carlos Lupi. O movimento pelo alinhamento político da agremiação será denominado Fica Taques.

Segundo Leonardo, que é vice-líder do Governo na Assembleia, o objetivo do movimento Fica Taques é afastar qualquer possibilidade do governador deixar o partido sob a alegação de perseguição política. A polêmica existe devido as divergência com o correligionário e presidente  do PDT mato-grossense, deputado estadual Zeca Viana.


Os confrontos entre Taques e Zeca Viana já despertaram a cobiça de outros partidos. O PSB já oficializou convite para adesão enquanto o PSDB afirma que está aguardando a ruptura com o PDT para convidá-lo a aderir a legenda. PPS, PTB e PV também já externaram o desejo de cooptar o governador para suas respectivas fileiras.

O deputado Leonardo  ainda  informa que uma das medidas do movimento Fica Taques será garantir a vinda de Lupi a Cuiabá na próxima semana. “Em Brasília, acertamos que será uma reunião com o governador, Zeca Viana e Lupi. Nós estaremos presentes”, ressalta o parlamentar.

Para Leonardo, o fim desta celeuma é dado como certo. Conforme o parlamentar,  Lupi se mostrou sensível ao entendimento de que o partido é o bem maior. “Contamos com o restabelecimento da relação de cordialidade destes grandes homens do PDT mato-grossense, Taques e Zeca”, garantiu.

Lupi já havia determinado a mudança de postura do presidente regional. Entretanto, mesmo com a posição mais amena de Zeca Viana, o imbróglio ainda existe. Para o dirigente, a linearidade da agremiação sugere crescimento, respeito e coragem. “E, é isso que queremos para o PDT em Mato Grosso”, disse Lupi

Desentendimento
Pedro Taques e Zeca Viana  se desentenderam no processo eleitoral para Mesa Diretora da Assembleia. O episódio levou o deputado estadual a criticar o governador publicamente.

Como relataliação à postura do correligionário, o governador já assumiu publicamente a possibilidade de deixar o PDT. No entanto,  Leonardo acredita que o imbróglio chega ao fim e o alinhamento político do PDT está próximo. (Com Assessoria)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

ATENÇÃO!

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Se você se sentiu ofendido com algum comentário aqui publicado, entre em contato imediatamente mandando um email para dorjival@gmail.com